Você sabe como trabalhar a mente para ter mais pensamentos positivos? Sabe como desenvolver autossugestões mais produtivas? Bons pensamentos nos ajudam em todos os sentidos, como melhorar a nossa saúde física e mental, a qualidade dos nossos relacionamentos interpessoais e dos nossos resultados profissionais.

Por isso, se você deseja expandir as suas possibilidades, aumentar as suas chances de ter sucesso na vida e conquistar mais autorrealização, autossatisfação e felicidade, confira algumas dicas poderosas sobre como trabalhar a mente para ter mais pensamentos positivos no seu dia a dia.

Torne a melhor versão de si mesmo com ajuda do Coaching!
Clique e acesse um presente maravilhoso que preparei para você!

8 dicas para trabalhar a mente e ter mais pensamentos positivos

Ter pensamentos positivos não é algo que se desenvolve de uma hora para outra, mas sim como resultado de uma série de atitudes positivas e saudáveis. Confira algumas recomendações para que você desenvolva uma mente mais otimista.

1. Elimine as crenças limitantes

Pensamentos e crenças limitantes, como “eu não posso”, “eu não sou capaz” e “eu não consigo” são verdadeiros bloqueadores e só alimentam pensamentos negativos e improdutivos. Para que você elimine essas crenças, comece a refletir sobre elas.

Por que você não é capaz? Por que você não pode? Por que você não consegue? Ninguém nasce sabendo nada, de modo que, se você tem algum impedimento hoje, certamente pode aprender e adquirir conhecimentos que o ajudem a fazer o que deseja. Não acredite em tudo o que a sua mente diz. Desconfie um pouco dela e confie mais em si mesmo.

2. Entenda que os pensamentos negativos fazem parte da vida, mas não os alimente

PSC Renascimento

A positividade não deve ser “forçada”, pois isso seria uma positividade tóxica. Nesse sentido, precisamos compreender que a vida tem momentos difíceis, e que é natural ficar triste, irritado ou sem energia em alguns momentos. O desconforto deve nos oferecer aprendizados, de modo que consertemos o que não está bacana nas nossas vidas.

Contudo, não podemos permitir que a negatividade apareça na maior parte do tempo. Assim, não deixe que os problemas do dia a dia tirem de você o seu brilho interior. Ao sentir emoções negativas, aprenda o que elas têm a ensinar, mas não passe mais tempo do que o necessário com elas.

Respire fundo, medite, pratique atividades físicas e dedique-se aos seus hobbies. Essas atividades aliviam o peso dos sentimentos negativos.

3. Cultive bons pensamentos

Por outro lado, quanto mais você pensa em coisas boas, melhor você se torna e melhores relações e resultados você atrai/conquista. Assim, cultive pensamentos positivos em relação a si mesmo e às pessoas.

Esse processo, entretanto, não é assim tão simples quanto parece. Enxergar algo positivo no olho do furacão, ou seja, no meio de um problema grande, é difícil. Nesses momentos, tente mudar o seu foco de observação, tentando imaginar soluções possíveis.

Lembre-se também de situações do passado em que você achava que tudo estava perdido, mas que, de alguma maneira, se resolveram. Confie em si mesmo e também na vida. Há solução para tudo, mesmo que não pareça no momento. O pessimismo na hora que o problema surge é natural. Contudo, quando a poeira baixa, conseguimos encontrar soluções favoráveis.

4. Ame e se deixe amar

O amor é um dos sentimentos mais sublimes e mais positivos que existem. Permita-se alimentar o amor que há em você e também receber o amor recíproco, aquele que as pessoas têm por você.

Na vida, temos momentos de incompreensão, em que parece que tudo e todos estão contra nós. Isso não passa de uma impressão. Passe mais tempo ao lado daqueles que você sabe que o querem bem, afastando-se de quem só tem palavras negativas e críticas destrutivas a oferecer. Fique atento às suas companhias.

Ter bons amigos, boas relações com colegas de trabalho, uma família equilibrada e feliz também nos ajuda a sermos mais positivos em relação a nós mesmos e à vida. Dê o seu melhor nas suas relações, sem exageros e submissões, sendo autêntico e verdadeiro — por meio de sentimentos, emoções e comportamentos sadios.

5. Fique atento aos conteúdos que você consome

Que tipo de conteúdo você tem consumido? Revistas de moda que fazem com que você se sinta “feio”? Redes sociais que fazem parecer que a vida de todo mundo é mais feliz do que a sua? Telejornais sensacionalistas que só revelam o que há de pior no ser humano?

Quanto mais você consome um determinado tipo de conteúdo, mais o seu cérebro toma aquilo como verdade. Portanto, fique atento àquilo que você assiste, lê e consome. Assim como as pessoas com as quais você convive, o conteúdo consumido também pode despertar uma visão mais positiva ou mais negativa sobre a realidade. Portanto, faça escolhas saudáveis e deixe de se comparar com outras pessoas!

6. Manifeste gratidão diariamente

Pessoas gratas, mesmo em meio a dificuldades, vão além, são otimistas e fazem dos seus desafios oportunidades para crescer e ter prosperidade na vida. Essa positividade é curativa e ajuda a aliviar até mesmo as dores mais profundas.

O ato de agradecer diariamente por tudo de bom que você tem na sua vida o ajuda a entender que as coisas não são tão ruins. No correr do dia a dia, acabamos focando tanto nos problemas que nos esquecemos de valorizar aquilo que já conquistamos. Não permita que isso ocorra. Seja grato todos os dias.

7. Conheça a si mesmo

Quanto mais você conhece a si mesmo, mais se cura e mais se potencializa. Essa máxima, criada pelo nosso presidente, José Roberto Marques, exerce uma influência positivamente poderosa e que nos ajuda a conhecer as fontes dos maus pensamentos e a substituí-los por crenças positivas e benéficas nas nossas vidas.

Por isso, analise os seus pensamentos, sentimentos e atitudes. Quando os pensamentos negativos surgem? Em quais contextos? Como você reage a eles? Por quê? Identifique os gatilhos dessa negatividade para que você possa neutralizá-los e interromper esse fluxo de pessimismo.

8. Procure ajuda especializada

Ao ler as dicas acima, você talvez tenha ficado com a impressão de que substituir crenças negativas por pensamentos positivos é algo simples e linear, o que não é verdade. Há, inclusive, casos mais complexos, em que a negatividade se instala na vida de uma pessoa e pode até mesmo ser um indicativo de transtornos da mente, como os quadros depressivos e ansiosos.

Se essa for a sua situação, não hesite em procurar o auxílio especializado dos médicos psiquiatras e dos psicólogos. Procurar ajuda quando os pensamentos negativos surgem de forma desproporcional aos fatos e comprometem a nossa qualidade de vida não é um sinal de fraqueza. Ao contrário: isso revela o quanto você está disposto a mudar e a encontrar a felicidade sendo você mesmo — tanto na vida pessoal como na vida profissional!

Além disso, se você quer conquistar uma vida pessoal e profissional mais positiva e bem-sucedida, continue a investir no seu desenvolvimento. Para isso, faça o Professional & Self Coaching – PSC, o treinamento que vai ajudar você a evoluir em todos os sentidos.

Gostou deste conteúdo? Então, deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!