Todo ser humano passa por situações de frustração e tristeza, que podem ser desencadeadas pelos mais diversos motivos, desde os considerados banais até aqueles mais sérios. Quando esses sentimentos ficam guardados, eles se acumulam e podem ser o início de uma série de problemas, como estresse, ansiedade e, até mesmo, depressão. Uma das melhores maneiras de evitar esse acúmulo de problemas é através do desabafo, pois, ao se abrir com alguém, conseguirá expor o que sente e entender melhor com seus sentimentos e emoções.

Assim como desabafar é necessário, saber ouvir os desabafos de outras pessoas é fundamental. Como bem diz o ditado: temos dois ouvidos e uma boca, e isso não é por acaso. Neste sentido, você fala sobre o que sente para alguém de sua confiança? Costuma escutar os desabafos dos seus amigos? Acredita que tem retribuído positivamente com aqueles que ouvem os seus desabafos, fazendo o mesmo por eles? Encontrar o equilíbrio entre falar e ouvir é muito importante para o amadurecimento e desenvolvimento dos indivíduos.

Os Benefícios do Desabafo

Aquelas pessoas que só reclamam são mal vistas porque esse comportamento realmente não é adequado e só serve para atrair negatividade e criar crenças limitantes no indivíduo. Já o desabafo, por sua vez, pode, comprovadamente, ajudar a aliviar o estresse e a resolver problemas quando feito no ambiente certo, com a pessoa certa.

O Coaching é uma poderosa ferramenta de desenvolvimento humano!
Conheça mais sobre essa metodologia,
acesse “Tudo Sobre Coaching”!

Percebe a diferença? O reclamador constante fala sobre seus problemas a todo e qualquer momento, sem nenhum tipo de filtro, já aquele que sabe a importância de desabafar, espera para se abrir com alguém em quem confia e em particular, em um momento dedicado apenas a isso. O que pode parecer um detalhe separa a atitude positiva daquela que apenas prejudica e não leva a lugar algum.

A melhor forma de se livrar das emoções negativas, é falando sobre elas. Falar a respeito das suas tensões e ansiedades pode ajudá-lo a seguir em frente, resolvendo problemas de forma mais eficiente e saudável. Ao explicar a situação em voz alta, conseguirá esclarecer os seus sentimentos em sua mente, podendo enxergar tudo sob uma nova perspectiva.

O Desabafo do Ponto de Vista Físico e Mental

Quando as emoções são fortes e não são descarregadas, a mente torna-se desequilibrada e a função neocortical do cérebro é desativada. Esse desequilíbrio faz você se sentir confuso, o que pode levá-lo a criar uma versão distorcida das situações, dificultando a identificação do que realmente está te perturbando. É como se a visão ficasse turva, impedindo-o de ter um entendimento claro sobre as coisas.

PSC

Manter os seus sentimentos abafados também pode impactar de forma negativa no seu corpo. O estresse leva os músculos a ficarem tensos, resultando em dificuldades para dormir, cólicas e dores musculares. Falar sobre as suas emoções ajuda a liberá-las do corpo e dos seus pensamentos. Da mesma forma que os exercícios físicos podem ajudar a limpar e relaxar a mente, o desabafo ajuda a recuperar sua força mental e física.

A Importância de Saber Ouvir

Já falei em diversos artigos sobre a importância de ouvir na essência, que é algo que vai muito além de apenas escutar o que o outro diz. Ao ouvir verdadeiramente as pessoas, conseguimos entendê-las de uma forma melhor, o que é fundamental para manter uma comunicação eficaz, evitar conflitos, estreitar laços, gerar confiança e agir com mais empatia e tolerância com o próximo.

Saber ouvir as pessoas é tão necessário quanto desabafar. Afinal, não tem nada mais desagradável do que conversar com alguém que parece estar em outro planeta, olhando para o horizonte ou mexendo no celular. Por isso, convido-lhe a fazer uma reflexão: como estão as suas habilidades de ouvinte? Acredita que tem ouvido as pessoas na essência, dando verdadeira atenção para o que elas dizem? Repense!

Após refletir, poderá verificar os pontos que precisa desenvolver para que se torne um ouvinte mais paciente e empático e menos julgador. Dessa forma, poderá retribuir o bem que aqueles que te ouvem lhe fazem e, melhor, servindo como um espelho para que eles também aperfeiçoem suas habilidades como ouvintes. Seja o início de um círculo virtuoso do bem e espalhe luz por onde passar.

Você é uma pessoa feliz? Quer uma ajuda pra descobrir?
Acesse nosso Termômetro e descubra
como anda sua Felicidade!

Benefícios de Saber Ouvir

Saber ouvir não vai beneficiar apenas aqueles que convivem contigo, mas também a ti mesmo. Esta habilidade irá lhe proporcionar uma série de vantagens na vida pessoal e, também, profissional. Veja quais são elas!

Ser Uma Companhia Agradável: estar ao lado de alguém que sabe ouvir o outro com paciência e atenção é muito agradável, e quando nos tornamos uma boa companhia, incentivamos os outros a agir de forma positiva também.

Ter Mais Apoio: como disse, aqueles que sabem ouvir se tornam ótimas companhias e nunca estão sós. Com isso, sempre contam com o apoio das pessoas nas mais diversas situações.

Compreensão: compreender o que os outros dizem pode ser um grande desafio quando não se ouve o que eles dizem profundamente. Então, ser um bom ouvinte irá lhe proporcionar uma maior compreensão sobre as pessoas e suas atitudes, evitando conflitos e favorecendo a união.

Aprendizado: ao ouvir os desabafos de uma pessoa, você não estará fazendo apenas uma boa ação, mas também tendo a oportunidade de aprender junto com ela. Por meio das vivências de terceiros é possível conhecer novas situações, reações, sentimentos, o que pode ser muito enriquecedor.

Fortalecimento de Laços: quanto mais atenção e empatia dedicar às pessoas, mais fortes serão os laços que terá com elas, o que tornará a sua vida muito mais feliz.

Oportunidade de Ajudar: muitas pessoas sofrem caladas por não terem alguém com quem desabafar. Ao oferecer os seus ouvidos e tempo estará fazendo um bem enorme a alguém e o sentimento de poder ajudar é altamente recompensador.

Plantar o Bem: aqueles que plantam o bem, certamente têm colheitas fartas. Nesse sentido, quanto mais souber ouvir as pessoas e dar atenção ao que elas dizem, mais elas estarão dispostas a fazer o mesmo por ti. Contudo, é importante dizer que se deve sempre agir de coração, sem esperar algo em troca, assim, saberá ter gratidão quando acontecer, sem criar expectativas que podem gerar ansiedade e frustração.

Espero que essa reflexão faça com que comece a desabafar sobre seus sentimentos e aflições, para que se conheça melhor e adote uma postura mais positiva perante os desafios da vida. Além disso, que saiba retribuir o bem que as pessoas que te ouvem fazem e aprenda a ouvi-las em plenitude. O caminho da cura para as suas dores inclui ouvir e falar, lembre-se sempre disso!

Copyright: 673040659 – https://www.shutterstock.com/pt/g/hanna%20kuprevich