O que estamos plantando para o nosso futuro? Quais são as sementes que estamos semeando?  Quais são os frutos que desejamos colher? Essas são algumas questões que a dinâmica da árvore propõe e nos ajuda a responder. Essa atividade é uma poderosa dinâmica de reflexão para os dias atuais.

Neste artigo, você vai entender como deve ser a aplicação dessa dinâmica, em quais contextos ela pode ser utilizada e quais são os aprendizados que podem ser extraídos dela. Ficou curioso? Então, continue a leitura a seguir e saiba mais!

Aplicação da dinâmica da árvore

  • Preparação e organização dos materiais

Para realizar esta dinâmica, o instrutor deve ter uma árvore grande, feita de papel colorido, que deve ser pregada na parede, no centro da sala. Também é preciso providenciar papel colorido, cortado em forma de semente, fita adesiva e canetas para que os participantes possam escrever os seus anseios e colá-los na árvore da sua vida.

  • Orientações iniciais

Após colar a árvore na parede, o coordenador do grupo, deve distribuir aos participantes canetas e os papéis coloridos, em forma de semente. Em seguida, deve apresentar a dinâmica, mostrando a importância de nos responsabilizarmos por aquilo que plantamos no mundo.

Para isso, ele deve discorrer sobre a importância de pensarmos antes de agir e do quão importante é alimentar ações e crenças positivas para que aquilo que desejamos possa realmente se tornar realidade. Essa reflexão é essencial para que os participantes compreendam os efeitos de plantar coisas boas na sua vida, na vida das pessoas à sua volta e no mundo.

  • Reflexão e escrita dos desejos

Em seguida, cada pessoa deve refletir em silêncio e escrever, no seu papel, aquilo que deseja plantar e colher, por meio das suas sementes. Saúde, promoção na carreira, começar e finalizar um curso importante, ter um filho, ter mais prosperidade, equilíbrio pessoal e profissional, bem-estar, tolerância, compaixão e respeito — esses são alguns exemplos das sementes que podem ser plantadas.

Após 10 ou 15 minutos, as pessoas devem ser convidadas a pregar as suas sementes na árvore, a ler o que o colega escreveu e refletir sobre isso. Após todos conhecerem os anseios uns dos outros, todos os participantes devem ser envolvidos em uma reflexão coletiva e dar o seu depoimento sobre as lições que aprenderam ao fazer a dinâmica da árvore.

Contextos em que a dinâmica da árvore pode ser utilizada

  • Ambiente de trabalho: a dinâmica da árvore pode ser aplicada em equipes de trabalho para promover a integração, fortalecer o espírito de equipe, melhorar a comunicação, desenvolver habilidades de resolução de problemas, promover a criatividade e a inovação, entre outros objetivos relacionados ao desenvolvimento da equipe. 
  • Educação e aprendizado: no contexto educacional, as dinâmicas são utilizadas para estimular a participação dos estudantes, facilitar a compreensão de conceitos complexos, promover a interação entre os alunos, desenvolver habilidades de colaboração e incentivar a reflexão crítica. Simples, a dinâmica da árvore pode ser útil em escolas e universidades, desde a educação infantil até a pós-graduação.
  • Terapia e desenvolvimento pessoal: as dinâmicas também são empregadas em contextos terapêuticos e de desenvolvimento pessoal, ajudando as pessoas a explorar emoções, melhorar habilidades de comunicação, promover a autoconsciência e desenvolver estratégias para lidar com os desafios pessoais. Na psicologia e no coaching, por exemplo, a dinâmica da árvore é um convite à reflexão de como o nosso presente determina o nosso futuro.
  • Formações espirituais: em retiros espirituais, encontros religiosos, reuniões de igrejas, entre outras formações nesse sentido, a dinâmica da árvore também pode despertar reflexões e aprendizados valiosos.

Aprendizados que a dinâmica da árvore pode proporcionar

PSC

Confira, a seguir, alguns dos principais aprendizados que podem ser levantados no momento de reflexão após a realização da dinâmica. Lembre-se de que outras percepções importantes podem ser obtidas, dependendo do contexto de aplicação da atividade.

  • Autoconhecimento para ter sonhos

Ao refletirem sobre o que desejam plantar e colher, os participantes desenvolvem mais autoconhecimento e compreensão dos seus próprios desejos e objetivos. É conhecendo a si mesma que uma pessoa pode descobrir quem ela é e o que ela deseja para o futuro. 

Como costumamos dizer no coaching, é o autoconhecimento que desperta no indivíduo a compreensão do seu estado atual e do seu estado desejado. Isso nos permite sonhar, ter objetivos e fazer planos para que eles se concretizem. Uma pessoa que deixa de sonhar já deixou de viver.

  • Responsabilidade por crenças e ações positivas

Na dinâmica da árvore, os participantes refletem sobre a importância de serem responsáveis por aquilo que plantam no mundo, entendendo que as suas ações e crenças têm impactos no futuro, tanto para si mesmos quanto para as pessoas próximas. Por isso, sonhar é importante, mas tão importante quanto é agir para tirar esses sonhos do papel.

A atividade enfatiza a necessidade de alimentar ações e crenças positivas para que os desejos se tornem realidade, promovendo uma visão otimista e proativa da vida. Assim como as árvores oferecem frutos de acordo com as sementes plantadas, também os resultados que vamos obter na vida dependem das nossas crenças e ações.

  • Reflexão coletiva e empatia

Ler os desejos dos colegas e refletir sobre eles promove empatia, aumenta a compreensão mútua e fortalece os laços entre os participantes. Esse momento é importante para termos em mente que assim como nós temos os nossos projetos, os outros também têm as suas próprias metas. Assim, todo mundo merece respeito e empatia.

Além disso, no contexto de trabalho, a dinâmica ajuda a integrar a equipe, melhorar a comunicação e desenvolver habilidades de resolução de problemas coletivos. É conhecendo melhor os nossos colegas que conseguimos construir bons relacionamentos no dia a dia.

  • Desenvolvimento pessoal

Em contextos terapêuticos e de desenvolvimento pessoal, a dinâmica auxilia na exploração de emoções, melhora habilidades de comunicação, promove a autoconsciência e desenvolve estratégias para lidar com desafios.

Enquanto os participantes escrevem os seus desejos para colocá-los na árvore, é natural que reflitam também sobre tudo o que será necessário fazer para que aqueles sonhos de fato se concretizem. Isso envolve a aquisição de conhecimentos, a mudança de crenças, o desenvolvimento de novos hábitos, e por aí vai. Trata-se de um processo completo de desenvolvimento em diferentes áreas da vida.

  • Reflexões criativas sobre o futuro

A atividade convida os participantes a refletirem sobre como as suas ações presentes influenciam o seu futuro, incentivando uma visão de longo prazo para as suas metas e sonhos. Isso pode ser colocado em prática na vida pessoal, em família, na carreira, nas metas financeiras, entre outros.

Além do mais, a dinâmica estimula a criatividade e a inovação, pois os participantes são encorajados a pensar sobre novas formas de alcançar os seus desejos e objetivos. Se você continuar agindo sempre da mesma forma, alcançará sempre os mesmos resultados — daí a importância de inovar.

  • Colaboração, espiritualidade e introspecção

Em ambientes educacionais, a dinâmica promove a participação ativa dos estudantes, facilita a compreensão de conceitos complexos e incentiva a colaboração entre os alunos. Já nos ambientes profissionais, favorece a integração entre os colaboradores das organizações, de diferentes departamentos e níveis hierárquicos.

Por fim, em contextos espirituais, a dinâmica pode despertar reflexões sobre o propósito de vida, valores pessoais e a conexão com algo maior, promovendo um profundo aprendizado espiritual.

Conclusão

Concluindo, a dinâmica da árvore é muito positiva para que pensemos naquilo que desejamos para o futuro e para que possamos refletir sobre o que podemos fazer no presente para que esses sonhos se concretizem. Essa atividade simples e poderosa oferece aos participantes a oportunidade de refletirem sobre os seus desejos e ações, promovendo um ambiente de autoconhecimento, empatia e colaboração.

Ao plantar sementes de positividade e esperança, os participantes não só vislumbram um futuro melhor para si mesmos, como também contribuem para a construção de um mundo mais harmonioso e consciente. Aplique a dinâmica da árvore junto dos seus colaboradores ou estudantes, e você verá equipes cada vez mais engajadas e cooperativas!

E você, ser de luz, já participou de alguma dinâmica desse tipo? O que pensa a respeito? Deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!

Quer entender mais sobre o comportamento humano? Clique aqui e saiba mais!