Viver um relacionamento amoroso tem os seus desafios, afinal são duas pessoas que tiveram criações diferentes, têm visões e experiências diferentes, e decidem compartilhar suas vidas. Contudo, o fato de ser desafiador não quer dizer que seja impossível ou mesmo que não valha a pena, pelo contrário. Um namoro ou casamento nos dá a oportunidade de compartilhar sentimentos e possibilita que nos tornemos indivíduos melhores e mais preocupados com o outro. Tudo isso faz com que a sensação de que o amor acabou precise ser analisada com cautela e sempre considerando todos os pontos.

Chegar à conclusão de que o sentimento que unia uma pessoa a outra acabou requer muita reflexão, para que as decisões sejam tomadas com convicção e sem chances de arrependimento. Esse cuidado é importante, principalmente, porque relacionamentos passam por momentos de crise. Então, é necessário saber identificar o que realmente está acontecendo para evitar se machucar e magoar uma pessoa que foi e é tão especial na sua vida.

Crie laços mais fortes e verdadeiros em seus relacionamentos!
Clique aqui, acesse meu Desafio! Descubra como viver mais leve!

Sinais de Que é Necessário Refletir Sobre o Relacionamento

Nenhuma pessoa irá, do dia para a noite, achar que o amor que sentia pelo seu cônjuge acabou. Geralmente, o que acontece é que a sintonia dos dois passa a dar alguns sinais de que há algo de errado. Por isso, é tão importante sempre refletir sobre o relacionamento, mesmo quando tudo parece estar em perfeita ordem. A reflexão permitirá que sejam pontuadas as atitudes de ambas as partes, para identificar os acertos e aquilo que precisa ser desenvolvido e melhorado.

Será que estou dando toda a atenção que meu esposo ou esposa merece? Temos mantido o diálogo? Conseguimos nos dedicar um ao outro mesmo em meio à correria do dia a dia e aos cuidados com nossos filhos? Esses são exemplos de perguntas para fazer a si mesmo e refletir sobre o casamento. O autoconhecimento é uma ótima maneira de entender o relacionamento, os sentimentos e tomar decisões com mais sabedoria, seja a de colocar um fim na relação ou de buscar o entendimento e conciliação.

Veja alguns sinais de que o relacionamento está passando por uma fase delicada e que merece atenção.

  • Vocês mais parecem duas pessoas que moram na mesma casa e apenas dividem as despesas do que um casal que decidiu se unir por amor. Quando chegam a casa, após o trabalho, só falam o básico.
  • Aquela vontade de compartilhar novidades com o outro não existe mais, assim como não há interesse em saber sobre a vida dele.
  • Raramente trocam algum carinho e os momentos de intimidade a dois se tornaram cada vez mais raros.
  • Não se empenha em entender as reclamações da outra pessoa e ouve o que ela diz apenas superficialmente, sem vontade de entendimento.
  • Sente mais vontade de sair com os amigos do que com o cônjuge ou namorado/namorada.
  • Sempre encontram alguma razão para discutir, brigam até mesmo por coisas banais.

Se o seu relacionamento apresentar algum dos sinais que citei, pode ser sinal de que vocês estão passando por uma crise. Contudo, isso não significa que seja o fim do amor, pois pode ser apenas um desgaste natural. Por isso a reflexão é tão importante para identificar se esse comportamento de um em relação ao outro pode ser mudado, se o sentimento de amor ainda existe ou se é melhor cada um seguir o seu próprio caminho.

Fatores Que Causam a Crise em um Relacionamento

Existem diversos fatores que podem culminar no fim de um casamento. Entretanto, vale lembrar que nem todos os casais que passam por essas situações que irei citar se separam. Existem pessoas que passam por adversidades e se unem ainda mais, enquanto outras se distanciam. Quando se trata de relacionamento não há um padrão, pois cada indivíduo é único, assim como sua forma de se relacionar de e responder aos acontecimentos.

Dentre as razões mais comuns que levam um casal a entrar em crise, estão:

  • Crise financeira;
  • Quando um dos dois perde o emprego;
  • Relacionamentos extraconjugais;
  • Problemas familiares;
  • Doenças graves ou acidentes inesperados;
  • Desgaste causado pela rotina;
  • Conflitos na forma de educar os filhos;
  • Falta de objetivos em comum;
  • Violência doméstica, emocional ou psicológica;
  • Foco excessivo no trabalho;
  • Vícios de toda natureza: drogas, jogos, sexo e bebidas por exemplo.

São muitas razões que podem levar um casal a se distanciar, entretanto, elas não precisam significar o fim. Quando ainda há amor, é perfeitamente possível contornar os problemas e transformá-los em aprendizado para recomeçar e reafirmar aquilo que sentem um pelo outro. Ao perceber que algo se quebrou, procure reavaliar se a sua união deve mesmo ser descarta ou se é possível consertar os erros. Essa reflexão irá te ajudar a não desperdiçar algo valioso apenas por comodismo ou ainda a tomar uma decisão que vem adiando há tempos por medos e inseguranças.

Muitos casais se tornam mais unidos e adquirem a verdadeira consciência a respeito de seus sentimentos depois de passar por uma crise, e isso pode acontecer contigo também. Mas, claro, desde que você e seu cônjuge estejam dispostos a lutar pelo relacionamento e reavaliar suas atitudes e comportamento e mudar. No momento em que os dois adquirirem consciência dos pontos em que precisam evoluir e, juntos, assumem a missão de reconstruir a relação, as chances de sucesso aumentarão consideravelmente.

Como andam seus relacionamentos? Você é feliz neles? Quer descobrir?
Faça nosso Teste! Clique aqui e confira o “Termômetro da Felicidade”

E Quando o Amor Acabou?

Por outro lado, existem casos em que o sentimento realmente chegou ao fim e tudo bem também. Quando um relacionamento acaba não significa que as duas pessoas perderam tempo investindo em algo que não deu certo, pois deu certo no tempo que durou. Mesmo que tenha durado apenas certo período, pode ser uma união que trouxe aprendizados, crescimentos, amadurecimentos momentos de felicidade e que, inclusive, pode ter gerado filhos. Então, como bem disse o poeta Vinícius de Moraes, foi eterno enquanto durou.

Da mesma forma que abrir mão de uma relação em que ainda há amor pode ser precipitado, insistir em sua continuação, mesmo sabendo que o sentimento acabou também é. Todos tem o direito de ser felizes e, isso inclui você e o seu cônjuge. Se um dos dois já não tem mais o mesmo sentimento em relação ao outro, talvez não valha a pena insistir, pois pode gerar ainda mais sofrimento para ambos.

Depois de pontuar tudo isso, eu posso dizer que convicção que a melhor resposta para o questionamento que iniciou este artigo é a reflexão. Apenas refletindo um casal poderá chegar às respostas que precisa para tomar uma decisão tão importante. Procure pensar sobre o que sente pelo outro, se imagina sua vida sem ele, se acha que poderá ser mais feliz vivendo de outra forma. As respostas para todas as suas dúvidas estão dentro de você, saiba ouvir o seu coração.

Por fim, evite tomar decisões quando estiver com raiva, pois ela apenas irá te atrapalhar. Haja com serenidade, invista no diálogo e, assim, poderão chegar ao entendimento sobre aquilo que é melhor para as duas partes. Lembre-se que nem sempre o fim é negativo, muitas vezes ele é a porta para o recomeço de uma nova vida e um novo amor. Permita-se e escolha o melhor para você!

Copyright: 563507026 – https://www.shutterstock.com/pt/g/vasara