O estresse é um conjunto de reações físicas e mentais que nos impulsiona a tomar determinadas ações. Até certo ponto, ele é necessário e saudável para nos fazer agir e lutar pelos nossos objetivos. No entanto, quando ele aparece em doses exageradas, ele traz sofrimento, desânimo, ansiedade, tensão, irritabilidade, conflitos nos relacionamentos e até mesmo problemas de saúde física.

A boa notícia é que a ciência tem comprovado, com estudos cada vez mais aprofundados, que a atividade física é uma grande aliada no combate ao estresse. Neste artigo, reunimos 7 benefícios que essa prática oferece e que de fato amenizam essa reação e devolvem a qualidade de vida e o bem-estar. Para descobrir, é só continuar a leitura!

1. Produção de endorfinas

A prática regular de atividade física aumenta a produção de endorfinas, que são neurotransmissores associados à sensação de prazer e bem-estar. Nos quadros de estresse, ansiedade e depressão, há uma redução no nível dessas substâncias, de modo que a atividade física pode ajudar tanto na prevenção como no tratamento desses quadros.

Sendo assim, o exercício físico promove mais disposição, energia e alegria no dia a dia. Para sentir esses benefícios, você não precisa correr uma maratona. Uma simples caminhada ao ar livre, uma aula de dança ou um passeio de bicicleta já oferecem essas vantagens.

2. Aumento do foco

Quando praticamos uma atividade física, ela demanda de nós atenção e concentração, de modo que façamos o exercício da maneira correta. Por isso, essa prática estimula o foco, ou seja, a capacidade de manter-se concentrado, sem dar ouvidos às distrações.

Além disso, quando ficamos concentrados apenas no nosso corpo e nos movimentos que o exercício exige que façamos, esse processo tira por alguns momentos a mente das preocupações do dia a dia, o que nos ajuda a lidar melhor com estresse. Esse foco no presente (que também aparece na meditação) nos ajuda a amenizar a ansiedade e a preocupação, promovendo equilíbrio emocional.

3. Promoção de autoconfiança

Quando uma pessoa pratica exercícios físicos com regularidade e começa a sentir os benefícios que eles promovem, ela começa a confiar mais no próprio corpo e na própria mente. O indivíduo, independentemente da idade, percebe que a saúde física e mental está, em parte, em suas mãos, o que certamente lhe dá mais coragem.

PSC

Até mesmo pessoas idosas que acreditavam que dependiam de outras pessoas para fazer qualquer coisa, quando começam a praticar uma atividade física, percebem que podem manter a independência em mais situações do que imaginavam.

4. Socialização e autoestima

Um benefício que a atividade física pode promover também é a socialização, ou seja, a ampliação do convívio com outras pessoas. Isso ocorre de forma mais clara nas atividades coletivas, como uma aula de dança ou um jogo de futebol. No entanto, até mesmo as práticas individuais, como a caminhada e a natação, podem oferecer essa vantagem.

O ato de sair de casa e caminhar na praça do bairro, por exemplo, faz com que você veja outras pessoas, encontre conhecidos e sinta-se pertencente àquele ambiente. Na academia também pode ocorrer um processo parecido, como nas conversas de vestiário, que podem gerar amizades.

5. Melhora nas condições gerais de saúde

Além do combate ao estresse, não podemos nos esquecer de que a prática frequente de atividade física promove diversos benefícios para a saúde física. Entre eles, podemos citar o combate aos problemas cardiovasculares (hipertensão, colesterol alto, diabetes, infarto etc.), o fortalecimento dos músculos e ossos, a prevenção às doenças infecciosas, a manutenção do peso/emagrecimento, e por aí vai.

Naturalmente, uma pessoa com boas condições gerais de saúde física vive por mais tempo (aumento da longevidade) e também com mais disposição, mais produtividade e menos dores. Esses três fatores impactam positivamente e diretamente a saúde mental e o combate ao estresse, pois produzem uma sensação de bem-estar.

6. Melhora na qualidade do sono

A atividade física nos ajuda a “gastar” a energia que temos para aquele dia. Por isso, ela atua como uma “válvula de escape” para as preocupações, tensões, estresse e ansiedade. Ela produz uma sensação de cansaço bastante positiva, pois é um cansaço físico, e não mental.

Em consequência desse processo, o corpo começa a pedir pelo descanso e pelo sono ao anoitecer, que tendem a ser mais profundos e relaxantes. Por isso, o combate ao estresse automaticamente combate também a insônia, facilitando o ato de pegar no sono e também de mantê-lo profundo ao longo da noite. Como se sabe, uma noite bem dormida é fundamental para um dia produtivo e com bom humor!

7. Benefícios estéticos

Por fim, ainda que não seja esse o principal benefício pontuado neste artigo, não podemos negar que a atividade física favorece a manutenção e/ou a perda de peso, sobretudo quando combinada com uma dieta equilibrada. Além disso, dependendo do exercício físico praticado, pode haver o desenvolvimento de músculos.

Uma pessoa que se sente satisfeita com o próprio corpo melhora a sua autoestima, o que a torna mais feliz e menos estressada. Portanto, a atividade física também pode promover esse tipo de vantagem, se assim desejar.

Dicas gerais para a atividade física

Para usufruir dos benefícios citados acima, confira as dicas que separamos para ter uma ótima prática de atividade física:

  • Faça um check-up médico antes de começar, a fim de verificar quais atividades são mais indicadas para você e se há alguma limitação;
  • Escolha uma atividade de que você goste. Isso é muito importante para manter a sua motivação e evitar que você desista. Se não souber do que gosta, experimente diferentes modalidades até fazer a sua escolha;
  • Não exagere na dose. Especialmente no começo, o ideal é que você faça atividades mais leves para que o seu organismo acostume-se a esse processo. 30 minutos por dia já oferecem bons resultados no início, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde);
  • Faça da atividade um hábito. Para obter os benefícios citados, é importante praticar a atividade ao menos 5 vezes na semana, e não apenas de vez em quando. Quanto mais você adotar a prática como elemento da sua rotina, mais fácil ficará realizar os exercícios. Discipline-se para não desistir;
  • Convide amigos e familiares para praticar a atividade junto com você. Assim, um motivará o outro a persistir, tornando o processo muito mais divertido e ajudando a promover saúde no seu meio;
  • Se necessário, conte com o auxílio de um educador físico para orientá-lo na prática das atividades. Esse profissional o ajudará a fazer os exercícios corretamente, de modo a prevenir lesões e a obter os melhores resultados possíveis.

E você, querida pessoa, tem praticado alguma atividade física? Tem sentido algum dos benefícios aqui citados? Qual(is)? Deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!