O Natal e o ano novo são as festividades que marcam o encerramento de mais um ciclo. Por isso, muitas pessoas aproveitam a oportunidade para presentear aqueles a quem amam e para comprar itens para si mesmos. Dessa forma, as lojas; sejam elas físicas, sejam virtuais; têm muito a aproveitar com essa oportunidade e promover mais vendas.

Mas como os empreendedores podem alavancar os seus resultados em campanhas de fim de ano? Confira, a seguir, algumas dicas bacanas para ter muito sucesso nessa época tão especial!

1. Analise o histórico de vendas

Antes de planejar as suas ações para potencializar as campanhas de fim de ano, é importante que você analise as estatísticas dessa mesma época em anos anteriores. Isso servirá como base para que você se organize. Verifique, por exemplo, o perfil do seu cliente, os produtos mais vendidos, o ticket médio, entre outros. Isso o ajudará a definir objetivos estimulantes, mas realistas, além de organizar toda a sua operação: insumos, fornecedores, vendedores, gestão de estoques, frete de mercadorias etc.

2. Incentive o engajamento

Nessa época, as pessoas ficam naturalmente mais emotivas. Por esse motivo, pode ser o período perfeito para propor ações de estímulo ao engajamento. Você pode criar experiências interativas no seu ponto de vendas, propor jogos e correntes de desafios nas redes sociais, incentivar a publicação de mensagens natalinas em cartões da marca, e por aí vai. O importante é incentivar a interação entre as pessoas e entre elas e a sua marca. Isso fortalece o seu nome, sobretudo nessa época tão especial.

3. Estimule a fidelização

Você sabia que é muito mais barato para as empresas fidelizar um cliente (estimular novas compras de quem já comprou antes) do que conquistar um cliente novo? Por isso, aproveite o fim do ano para colocar em prática as ações com essa finalidade.

Assim, pegue a sua lista de clientes adquiridos ao longo do ano e envie a eles mensagens personalizadas, com conteúdos interessantes e com divulgações das promoções do fim do ano. Ofereça clubes de fidelidade, cupons de desconto, pesquisas de satisfação e condições especiais para os clientes mais fiéis.

4. Monitore a reputação da empresa

Nessa época do ano, muitas empresas são criticadas na internet porque oferecem produtos de má qualidade, porque o atendimento é ruim, porque não cumprem prazos de entrega, entre outros motivos. Dessa forma, esteja sempre atento à reputação da sua marca em relação a esses aspectos. Para isso, fique de olho nos comentários nas redes sociais e em sites como o “Reclame Aqui”. Procure sempre responder às críticas recebidas com cordialidade, fazendo o possível para reparar o erro e reconquistar o consumidor.

5. Crie promoções especiais

PSC

Para atrair mais clientes, uma dica interessante é apostar em promoções especiais de fim de ano. Descontos por tempo limitado, por exemplo, são táticas que interessam o público, afinal de contas, são muitas as compras a serem feitas nessa época, e qualquer desconto é sempre muito bem-vindo. Você pode oferecer brindes, descontos, cupons para compras futuras, eventos de ativação da sua marca, sorteios, concursos culturais temáticos, e por aí vai. Seja criativo!

6. Desenvolva uma comunicação personalizada

Para trabalhar na fidelização de clientes, a dica é apostar no e-mail marketing personalizado de Natal, com dicas de presentes baseadas nos gostos das pessoas. Os sites das empresas também podem contar com páginas específicas de promoções de fim de ano, com sugestões segmentadas de presentes.

Nas redes sociais, também vale a pena investir em uma comunicação com temática natalina, mesclando posts mais comerciais com conteúdos mais informativos ou motivacionais. Além disso, algumas dessas redes permitem fazer promoções e sorteios que aumentam o engajamento com o público. Outra dica importantíssima é nunca deixar de interagir e responder aos comentários deixados na página.

7. Explore conteúdos temáticos

Além das redes sociais, páginas de sites e posts de blogs específicos sobre dicas de presentes de Natal são interessantes para “dar algo em troca” ao consumidor, por ter acessado o seu site. Além disso, explorar palavras-chave referentes ao Natal ajudará a página a obter boas posições orgânicas nos sites de busca, já que essa temática apresenta um pico de buscas na semana que antecede a festa. Isso é ótimo para o SEO, aumentando a visibilidade da sua marca!

8. Capriche no ponto de venda

É fato mais do que estudado e constatado pelo marketing e pela psicologia que o ambiente em que uma pessoa está pode influenciar consideravelmente a sua decisão de compra. Por isso, para quem tem lojas físicas, a dica é manter o ambiente o mais organizado possível, evitando tumultos e aglomerações, o que pode afastar os clientes.

Apostar em uma decoração natalina, sem exageros, ajuda a criar um clima mais emotivo e mágico. Capriche nas vitrines e exponha os itens mais vendidos e lançamentos específicos da época, deixando-os bem visíveis aos clientes. Uma música temática também pode funcionar, desde que esteja em um volume baixo.

9. Controle os estoques

Tanto nas lojas físicas quanto em e-commerce, é essencial fazer uma previsão de demanda para os itens à venda, levando em consideração o acentuado consumo de produtos nessa época. Softwares de gestão ajudam a controlar o que entra e o que sai da loja, evitando que os estoques fiquem acumulados, mas também impedindo que os itens estejam em falta, o que transmite uma imagem muito negativa da loja. Administre os estoques para não ter prejuízo — nem por falta, nem por excesso.

As 9 dicas acima certamente são o ponto de partida para você alavancar os seus resultados em campanhas de fim de ano. Coloque-as em prática e aproveite a magia da época para alcançar as suas metas e encontrar o sucesso desejado!

E você, querida pessoa, tem mais alguma dica que gostaria de compartilhar conosco para potencializar as campanhas de fim de ano? Qual? Contribua deixando o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!