A humildade está entre as maiores virtudes humanas. Nela, o indivíduo abre mão do orgulho, da vaidade e da vontade de mostrar-se superior aos demais. A pessoa humilde reconhece o seu valor, mas isso não a impede de compreender que os outros também têm a sua importância e os seus méritos.

Ser humilde abre portas. Isso se vê nas diferentes áreas da vida: na família, nos círculos de amizade, no meio acadêmico, nas empresas, e por aí vai. Dessa forma, convidamos você a nos acompanhar nesta reflexão acerca da humildade: a virtude dos sábios. Continue a leitura e saiba mais sobre o tema!

O conceito de humildade

Ahumildaderefere-se à qualidade daqueles indivíduos que não tentam se projetar sobre as outras pessoas, nem mostrarem-se superi­ores a elas. A força dessa virtude é considerada por muitas pessoas como um elemento que confere o sentido exato do nosso bom senso e da capacidade de nos avaliarmos em relação aos outros indivíduos. Ela também nos torna mais sábios.

Diferentemente da modéstia, que é externa e refere-se a um estilo de comportamento (roupas, casa, carros), a humildade é mais in­terna e refere-se à consciência da pessoa de que ela não é o cen­tro do universo. Assim, podemos afirmar que a humildade conduz à modés­tia, e não o contrário, uma vez que uma pessoa pode ser modesta, mas não ser verdadeiramente humilde.

Dessa forma, o indivíduo humilde é aquele que reconhece o seu valor, mas que também reconhece o valor dos outros. É a pessoa que identifica que tem pontos a melhorar, que combate a arrogância e a prepotência, que é realista ao definir objetivos e que não se vangloria das suas conquistas de forma esnobe.

Benefícios que essa característica oferece

Confira algumas das vantagens de ser humilde, justificando o fato de a humildade ser considerada “a virtude dos sábios”.

  • A força da humildade confere serenidade e tranquilidade aos indivíduos;
  • Pessoas humildes são mais dispostas a aprender com o outro e a compartilhar os seus conhecimentos;
  • Os humildes também são muito mais capazes de identificar os próprios erros e aprender com eles, ao contrário daqueles que não os admitem e se recusam a evoluir;
  • A virtude estimula e fortalece os bons relacionamentos inter­pessoais e confere mais qualidade de vida;
  • A pessoa com essa característica tem maior autoconsciência e, por isso, assume os seus deveres, obrigações, erros, culpas e limitações sem resistência;
  • A humildade estimula o indivíduo a ajudar o próximo e a perdoar os seus erros e limitações.
PSC Renascimento

O indivíduo que se considera uma pessoa humilde, em vez de se expor, deixa que as suas realizações falem por si. Quem tem essa força pessoal desenvolvida não procura ser o centro das atenções. Reconhece os seus erros e imperfeições e não atribui crédito exagerado às suas conquistas. Pelo contrário, ele se vê como afortunado por estar em uma posição onde algo de bom lhe aconteceu.

Ser humilde é algo vantajoso, pois nos tira dos holofotes também nos momentos dos erros. Além do mais, a humildade é um dos mais importantes valores cristãos. Jesus afirmou que “Todo aquele que se eleva será rebaixado, e todo aquele que se abaixa será elevado”. Rebaixar-se, no contexto bíblico, não significa humilhar-se ou deixar de gostar de si, mas ser humilde e altruísta, colocando-se a serviço do próximo.

Algumas reflexões sobre essa virtude

No seu exame de autoconhecimento, faça a si mesmo as seguintes perguntas com o tema da humildade.

  • Como a sua humildade influencia as suas atitudes no dia a dia?
  • O que o leva a crer que realmente é uma pessoa humilde?
  • Como você se sente quando tem que conviver com pessoas soberbas?
  • Como essa sua virtude inspira as pessoas ao seu redor?
  • O que essa característica traz de positivo ou de negativo para a sua vida?

Lembre-se daquele conselho antigo, mas muito válido, que afirma que nós não devemos fazer aos outros aquilo que nós não gostaríamos que fizessem conosco. Portanto, ao lembrar-se de como é insuportável lidar com alguém vaidoso e arrogante, evite agir da mesma maneira. Pense em como o mundo seria um lugar mais tranquilo e até mesmo mais pacífico se as pessoas fossem mais humildes e cooperativas entre si!

Dicas para fazer um uso positivo da humildade

  • Procure ser humilde com as outras pessoas, mas sem anular os seus méritos e realizações;
  • Jamais acredite que ser humilde significa deixar de gostar de si mesmo ou ser “obrigado” a gostar de todo mundo;
  • Faça dessa virtude uma forma de aprender sobre si mesmo e de evoluir com os seus erros e acertos;
  • Reforce a sua força por meio dos seus exemplos e pro­cure inspirar as pessoas à sua volta a fazerem o mesmo.
  • Aceite um elogio e o reconhecimento das suas capacidades, habilidades e dedicação.
  • Entenda a diferença entre humildade, modéstia e so­berba.
  • Pense e reflita sobre o poder da humildade e sobre como essa virtude é importante nas nossas vidas e capaz de potencializar os nossos relacionamentos em todos os sentidos.

Como você pode perceber, a humildade é uma virtude poderosa, que realmente beneficia os nossos relacionamentos e nos torna mais sábios em todas as áreas da vida. Que ela nunca esteja em falta entre os seus valores pessoais e que sempre haja pessoas humildes e solidárias no seu caminho!

E você, ser de luz, se considera uma pessoa humilde? Por quê? Em quais aspectos você poderia melhorar no desenvolvimento dessa virtude? Deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!