A constelação familiar é um processo desenvolvido pelo alemão Bert Hellinger, sendo também conhecido como “constelação sistêmica”. Trata-se de um método em que os membros de um grupo, geralmente uma família, identificam traumas do passado que possivelmente estejam prejudicando os resultados atuais.

A constelação familiar visa a desfazer os “emaranhados” sistêmicos, ou seja, a superar esses traumas passados. Por isso, há diversos livros de autoria do próprio Bert Hellinger que abordam temáticas associadas à constelação familiar. Ficou curioso? Então, confira 8 dessas obras super importantes para saber mais sobre o assunto!

1. Ordens do amor

O amor é um sentimento presente nas famílias, sendo o laço que une os seus membros, mas que também pode provocar problemas: ciúme, posse, proteção excessiva etc. Hellinger aponta que existem ordens do amor, ou seja, orientações para que possamos administrar melhor esse sentimento, evitando que haja desdobramentos negativos.

Este livro apresenta um conteúdo bastante didático, ajudando o indivíduo a identificar as enfermidades que surgem em uma constelação familiar quando há desconhecimento dessas ordens. A obra inspira a humildade e o autoconhecimento, nos levando à descoberta de caminhos mais saudáveis para o sentimento do amor.

2. Simetria oculta do amor

Este é o primeiro livro de Hellinger que foi traduzido no Brasil. A obra apresenta os estudos do autor no contexto das constelações familiares, ainda no início dos seus trabalhos nesse aspecto. É indicado a terapeutas e profissionais especializados nas relações familiares, bem como àqueles que desejam aprofundar os seus conhecimentos e aprimorar esse tipo de relação nas suas vidas.

O livro mostra que o amor verdadeiro é o que faz as relações darem certo. Além disso, o conteúdo pode ser aproveitado também para ajudar a lidar com problemas de saúde, perdas, luto e comportamentos destrutivos.

3. O amor do espírito

PSC Renascimento

Essa obra aborda a complexidade das relações humanas. Ela mostra que o convívio com o outro pode ser difícil, mas ressalta que nós podemos superar as limitações e as diferenças que existem entre nós.

Nesse livro, Hellinger lança um olhar científico sobre o conceito de amor. Muitas vezes, esse sentimento é limitado porque nós mesmos criamos barreiras que impedem que o amor floresça. O livro traz compreensões básicas sobre o que é o amor e sobre como podemos potencializar esse sentimento, superando os obstáculos que insistem em surgir nesta delicada relação: eu e os outros.

4. Constelações familiares

Essa obra é, na verdade, a transcrição de uma entrevista concedida por Hellinger à jornalista alemã Gabriele Ten Hovel, em uma rádio do seu país. As perguntas novamente abordam as ordens fundamentais do amor, mas também visam à compreensão fundamental do trabalho de constelação familiar conduzido por Bert Hellinger.

O livro é uma oportunidade excelente para que as pessoas entendam como o processo funciona e consigam esclarecer alguns dos conceitos que geram mais confusão, como o “emaranhamento” e os “movimentos da alma”. A obra é bastante didática, conduzida a partir dos questionamentos profundos do jornalismo investigativo, com respostas claras e objetivas, concedidas pelo autor.

5. Para que o amor dê certo

Como podemos fazer o amor dar certo? Como podemos utilizar esse sentimento de forma construtiva na vida a dois? Como evitar que ele se torne nocivo e cause emaranhamentos?  Essas são as perguntas que essa obra se propõe a responder.

Esse livro foi escrito a partir de um trabalho que Hellinger conduziu com 20 casais, inclusive abordando como as origens das famílias dos parceiros podem influenciar na dinâmica do casal na atualidade. Relatos dos casais, discussões e comentários fazem parte da obra, trazendo reflexões ricas sobre os processos multidimensionais das relações.

6. Libertados somos concluídos

Despedida, reconciliação e frequência de certas atitudes são os principais temas desse livro. Ele aborda a importância da liberdade nas ações humanas, o que implica, em alguns momentos, em deixar ir aquilo que já não cabe mais nas nossas vidas. É deixando para trás o que já não agrega valor que efetivamente encontramos caminhos mais leves e felizes, embora esse processo nem sempre seja fácil.

A obra é composta por perguntas e respostas que geram reflexões profundas e que aprimoram o nosso discernimento para as ações em diferentes áreas. Você sabe o que é melhor para você? Muitas vezes, deixar ir é a melhor solução para os nossos problemas!

7. Amor à segunda vista

Primeiras impressões podem nem sempre ser verdadeiras. Por isso, muitas histórias de amor acabam incluindo uma espécie de “redescoberta” da pessoa amada. Isso se deve ao fato de que, ao longo do tempo, os seres humanos se transformam, desenvolvendo novas características e traços dos quais nem sempre compreendemos a origem.

Isso se vê muito nos relacionamentos amorosos, demandando uma necessidade de se “reapaixonar” algumas vezes. Nesse livro, o autor mostra como os casais se redescobrem de diferentes formas, encontrando um lugar mais positivo na história das suas famílias, sempre com muito respeito e companheirismo.

8. Constelação sistêmica integrativa — José Roberto Marques

Nesse livro, de autoria do fundador do IBC, José Roberto Marques, é abordada a temática de como os conceitos da constelação familiar sistêmica podem ser aproveitados dentro do contexto do coaching para permitir que as pessoas alcancem resultados extraordinários e sejam mais felizes.

A obra defende que todas as pessoas estão conectadas em nível quântico em um mesmo mapa sistêmico. Cabe aos coaches acessar esse mapa e organizar a história de cada coachee, projetando-o a um estado de excelência nas diferentes áreas das suas vidas.

As 8 leituras acima são as mais indicadas para quem deseja conhecer mais sobre a constelação familiar. São particularmente indicadas aos coaches que desejam se aprofundar no assunto e compreender o poder da metodologia sobre as vidas das pessoas, podendo ser incluída nas sessões de coaching.

E você, ser de luz, já teve alguma experiência com a constelação familiar sistêmica? O que pensa sobre o tema? Deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!