O dia a dia corrido muitas vezes parece “roubar” a nossa paz. Estamos sempre correndo, enfrentando o trânsito, cumprindo obrigações e tendo que lidar com pessoas de diferentes personalidades. Esse conjunto de agentes transforma a nossa rotina num caos, bastante estressante.

O estresse, em longo prazo, pode desencadear diversas doenças, tanto físicas quanto mentais. Por este motivo, não podemos permitir que as atribulações e adversidades da rotina desequilibrem nosso eu interior e a paz, que é nossa.

Por este motivo, a meditação abaixo vai restabelecer a harmonia em seu ser, livrando seus pensamentos de qualquer mal. Você merece este tempo só seu. Vamos lá?

Não espere as circunstâncias perfeitas

É possível ter uma energia de paz aqui, agora, do jeito que você está. Não projete a paz e a felicidade para um momento futuro. A vida é assim mesmo: numa hora estamos bem, na outra estamos diante de problemas. No entanto, nossa base de paz e resiliência deve nos acompanhar por estes altos e baixos.

Se você tem dificuldade em manter essa paz interior diante das adversidades da vida, saiba que a respiração é a sua maior aliada. Aliás, não é à toa que a respiração consciente quase sempre marca o início dos processos meditativos.

Sente-se em uma posição confortável, na cama, ou no chão, apoiando as costas na parede. Inspire profundamente, preenchendo-se com ar renovado, ao máximo possível. Retenha a respiração por alguns instantes. Depois, solte o ar vagarosamente. Sinta a superfície na qual você está sentado. Perceba como o seu corpo se adéqua às diferentes superfícies. Assim também a sua mente é capaz de adaptar-se às mais diferentes situações, sem perder a calma.

PSC Renascimento

Sinta o ar fresco entrando pelo nariz e sinta o ar aquecido que sai pela sua boca. Atente-se a essas sensações. Perceba como sua mente e seu corpo podem mudar a realidade ao redor.

Vibre na gratidão

Muitas vezes, perdemos a nossa paz interior porque focamos apenas naquilo que nos falta, naquilo que poderia ser melhor e naquilo que deu errado. A negatividade quase sempre vem da inveja, da culpa, da cobiça, da frustração, da criação de expectativas.

Para combater esse padrão de pensamentos, vibre na gratidão. Pense naquilo que você possui e que já conquistou, ao invés das coisas que você não tem. Pense em seu lar, em seu alimento diário, em seu transporte, em seu emprego, em sua saúde física, em sua saúde mental, nos conhecimentos que já adquiriu ao longo da vida, nas conversas construtivas que já teve, nas experiências edificantes que vivenciou.

Com certeza, você tem muito mais motivos pelos quais agradecer do que para pedir, não é mesmo? A gratidão diária modifica nossa mente, contribuindo para que um padrão de paz interior se instale.

Vibre no amor

Além de pensar em tudo aquilo que você possui, mentalize também as pessoas que fazem parte de sua vida. Lembre-se de todos aqueles que, cada um à sua maneira, foram capazes de emitir a você uma energia sincera de amor e alegria.

Pense em seus pais, em seus avós, em seus tios e primos, em seus irmãos, companheiro e demais pessoas que compõem a sua família. Pense também em todos os seus amigos, que nada mais são do que a família que nos foi permitido escolher. Lembre-se de cada risada, de cada beijo, de cada abraço, de cada viagem, de cada passeio, de cada momento especial.

Não se esqueça também daqueles entes queridos que já não se encontram no plano terreno. Mesmo sem a presença física, a energia do amor e das boas recordações continua aqui conosco. Vibre amor e gratidão, com uma saudade gostosa, sem tristeza.

Deixe as preocupações de lado

Ao pensar no mundo como ele é, em sua vida, na natureza fantástica que nosso planeta possui, nas pessoas com as quais convivemos e em tudo aquilo que já realizamos em nossas vidas, tudo ganha uma perspectiva mais ampla e otimista.

Pensando nessa magnitude da vida, percebemos que nossos problemas cotidianos não são assim tão grandes. E mesmo que sejam, nós somos muito maiores do que eles. Somos seres de luz, dotados de imensa inteligência, criatividade e resiliência. Somos capazes de vencer até os maiores obstáculos, mas só chegamos a essa conclusão quando nos propomos a enfrentá-los.

Não mude o que já aconteceu, mas aprenda com as dificuldades. Mude o seu padrão de pensamentos, desenvolvendo uma positividade natural e benéfica. Vibre no amor e na gratidão. Nunca se esqueça de que você controla seus pensamentos e decide o quanto eles podem te afetar.

Retome agora a sua atenção sobre seu corpo físico. Atente-se à sua testa, desfazendo qualquer expressão de tensão. Relaxe seus olhos e mandíbula. Sinta a sua língua repousar suavemente em sua boca. Continue respirando tranquilamente.

Sinta agora o seu coração. Perceba o ritmo das batidas, que te mantêm vivo e saudável. Contemple a maravilha da vida. O universo está, neste momento, abastecendo seu corpo com tudo aquilo de que ele precisa para viver em plenitude. Confie nele. Ele não te desamparou até hoje, nem jamais desamparará.

Encontre a paz

Vibrando em total positividade, repita o mantra a seguir, mentalizando uma vida de paz interior:

Eu sou um ser de luz. Eu crio a minha paz interior.

Eu sou um ser de luz. Eu crio a minha paz interior.

Eu sou um ser de luz. Eu crio a minha paz interior.

Eu sou um ser de luz. Eu crio a minha paz interior.

Repita esse mantra por alguns minutos. Pense em momentos positivos. Permita que o sentimento de gratidão possa dissolver os pensamentos negativos.

Relaxe completamente. Você está seguro e em paz.

Devagar, traga a sua atenção novamente à sua respiração. Com calma e tranquilidade, mexa cada dedo das mãos e dos pés. Abra os olhos. Retome a consciência sobre o lugar onde você está. O mundo continua o mesmo, mas a sua energia pessoal mudou. Você está em paz.

Sinta-se à vontade para permanecer por mais alguns momentos nessa posição, ou repetindo esse mantra.

Durante o dia, preste mais atenção naquilo que te faz sorrir verdadeiramente. Valorize estes momentos e não dê às situações difíceis mais importância do que elas de fato merecem. Se custa a sua paz, é muito caro.